,

Prós e Contras de Suspensões a Ar

Descubra os motivos para você ter ou não ter uma suspensão a ar

Suspensão a ar

Se você está procurando por um carro de luxo novo ou usado, é provável que você tenha visto a suspensão a ar na lista de acessórios padrão ou opcional. Também é provável que você tenha escutado comentários negativos sobre esse acessório – especialmente com relação à sua confiança a longo prazo. Se você está em cima do muro sobre comprar ou não um carro com ela, nós listamos aqui alguns prós e contras para te ajudar a tomar a decisão.

Os Benefícios da Suspensão a ar

Suspensões a ar oferecem vários benefícios importantes que podem ser úteis para motoristas interessados em carros de luxo. O principal benefício é qualidade de direção: veículos com suspensões a ar passam a impressão de “deslizar” sobre buracos e desníveis, enquanto que suspensões com molas de metal tradicionais podem causar uma direção mais desagradável. As suspensões a ar normalmente também são ajustáveis. Isso significa que o motorista pode escolher uma configuração mais acolchoada quando estiver em uma rua irregular ou uma configuração mais rígida se quiser melhorar o manuseio.

Outro grande benefício é que os SUVs ou caminhonetes com esse acessório têm maiores capacidades de reboque. Na maioria dos SUVs ou caminhonetes, motoristas podem aumentar a firmeza quando estiverem rebocando algo para compensar por cargas mais pesadas. O mesmo não acontece com SUVs ou caminhonetes com suspensões de molas, onde cargas pesadas podem abaixar o veículo.

As desvantagens da Suspensão a ar

As suspensões a ar podem ser tentadoras, mas existem duas desvantagens, ambas relacionadas a custo. A primeira é o custo de adquirir uma em primeiro lugar. Na maioria dos veículos – até mesmo em modelos de luxo – elas vêm como custo extra. Apenas carros e SUVs muito elite como a Mercedes S-Class e o Range Rover incluem como padrão. Em outros carros, pode ser uma opção cara.

A Chevrolet Tahoe, por exemplo, oferece, mas você precisa optar pelo modelo LTZ de luxo para conseguir. Isso significa gastar mais de 15 mil reais por esse acessório.

Para consumidores interessados em um carro usado, a maior desvantagem do acessório são os custos de manutenção. Mesmo que a suspensão a ar seja ótima quando está funcionando, o custo para conserto é bem alto. E não é um acessório que simplesmente dá para esquecer: se quebrar, o carro pode pender para um lado enquanto está em movimento. Dito isso, muitos motoristas substituem sistemas quebrados por molas de metal mais tradicionais – um conserto mais barato, mas também um que remove um acessório importante do veículo.

Opinião do R19Club

Se você está interessado em um carro novo que oferece suspensão a ar opcional, certifique-se de fazer o test-drive em modelos com o acessório e sem o acessório. Dessa forma, você pode decidir se vale o custo extra. Se você está procurando por um carro usado com suspensões a ar, trate de leva-lo para ser inspecionado por um mecânico antes de assinar os papéis. Lembre-se, no entanto, que até um sistema bem-inspecionado pode quebrar quando envelhece, portanto, é importante ter espaço no seu orçamento para um reparo caso seja necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *